Festival Sabores do Ceará alavancou setor gastronômico de Fortaleza

Um evento do setor gastronômico totalmente virtual, que ajudou a alavancar os negócios dos estabelecimentos de Fortaleza com uma programação diferenciada, promoções e a inclusão dos clientes que puderam conferir todas as receitas de casa.

Essa foi a primeira edição do Festival Sabores do Ceará – edição Fortaleza, que vai acontecer até essa terça-feira, 8.

Com a realização do Sebrae, o evento foi desenvolvimento para promover as vendas de negócios da área de alimentação, muito atingidas devido a pandemia do novo coronavírus.

“Além disso, a ideia é dar visibilidade para essas empresas para que se tornem mais conhecidas não só em Fortaleza mas em todo mundo, já que a internet não tem fronteiras”, ressaltou Evelynne Tabosa, gestora de Turismo Regional Fortaleza do Sebrae-CE.

O acontecimento teve um formato totalmente online e os consumidores ficaram de olho em todas as receitas pela internet.

Festival Sabores do Ceará alavancou setor gastronômico de Fortaleza
Foto: Visual Hunt

A programação contemplou quadros de culinária e empreendimento com transmissões de conteúdo com assuntos atuais, dicas de chefs, atrações culturais e sugestões de cardápios regionais.

Aquecendo o setor gastronômico de Fortaleza

Ao ficar atento as novidades do Festival Sabores do Ceará, as pessoas também puderam realizar as suas solicitações pelas redes sociais. “Fechamos uma parceria com o app Rappi, na qual o primeiro pedido tem R$ 30 de desconto para compras a partir de R$ 50”, contou Evelynne Tabosa.

Vale salientar que cerca de 50 empreendimentos de fortaleza de área de culinária integraram a ação com 100 receitas em exposição.

“Esperamos um incremento nas vendas delivery de 40% durante o festival e pós-festival de pelo menos 30% a partir da divulgação dessas empresas”, afirmou a gestora de Turismo Regional Fortaleza do Sebrae-CE.

Além disso, a primeira edição do evento na capital cearense teve o apoio do Sebrae, a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel); o Sindicato de Restaurantes, Bares, Barracas de Praia, Buffets e Similares do Estado de Ceará (Sindirest); a Associação dos Chefs de Cozinha do Ceará (ACC); o app Rappi, além do Senac e do Sesc, integrantes do Sistema S.

O QUE VOCÊ ACHOU DESTE TEXTO?

Por favor insira seu comentário!
Por favor, coloque seu nome aqui